Leiam com Atenção

Todos os links e arquivos que se encontram no site, estão hospedados na própria Internet, somente indicamos onde se encontra, não hospedamos nenhum CD ou programas que seja de distribuição ilegal. - Qualquer arquivo protegido por algum tipo de lei deve permanecer, no máximo, 24 horas em seu computador. - Eles podem ser baixados apenas para teste, devendo o usuário apaga-ló ou compra-ló após 24 horas. - A aquisição desses arquivos pela internet é de única e exclusiva responsabilidade do usuário.- Os donos, webmasters e qualquer outra pessoa que tenha relacionamento com a produção do site não tem responsabilidade alguma sobre os arquivos que o usuário venha baixar e para que irá utiliza-lós.

OBSERVAÇÃO: De acordo com o Art.184 do código penal, disponibilizar e baixar arquivos na internet não é crime de pirataria, pois não consiste em obtenção de lucros. A pirataria so é consumada quando o dono do site/blog ou pessoa que baixou estiver obtendo lucro sobre a obra protegida por direitos autorais sem a autorização do autor.


sábado, 16 de maio de 2009

DAVID GILMOUR - Discografia Solo do guitarrista e vocal do Pink Floyd



DAVID GILMOUR

.
John David Gilmour nasceu em Cambridge, Inglaterra, no dia 6 de março de 1946, às 21:00h. Filho de Douglas (professor de Genética na Universidade de Cambridge) e Sylvia Gilmour. Aos 13 anos ganhou seu primeiro violão, e foi então que tudo começou.

Casou-se com Ginger em 1975 e tiveram 4 filhos; Alice, Clare, Sara e Matthew antes do divórcio em 1988. Em 1994 casou-se com Polly Samson, (jornalista/escritora) co-autora do disco "The Division Bell"". David tem 4 filhos com ela: Charlie, filho do primeiro casamento dela - adotado por ele, Joe(junho de 1995), Gabriel(1997), e Romany (uma menina nascida em Abril de 2002). Ele agora tem 4 meninas e 4 meninos, como queria.

Em 1963, David e amigos formaram o grupo "Joker's Wild". A Banda gravou um disco com 5 faixas em 1964, e vendeu cerca de 100 cópias entre amigos. Duas décadas mais tarde, o mesmo disco tornou-se rara e valiosa peça de coleção.

A história de Gilmour com o Floyd começou em 1968, quando Dave foi convidado a integrar a banda de um antigo amigo de colégio; Roger Keith 'SYD' Barrett. Esta banda era o Pink Floyd (formado na época por Syd, Roger Waters, Richard "Rick" Wright e Nicholas "Nick" Mason). O grupo fez quatro ou cinco shows com os cinco integrantes. Logo depois, Syd, que infelizmente já apresentava sinais de grave desordem mental, foi forçado a se afastar do Floyd. Syd era aluno de guitarra de David Gilmour.

O primeiro disco do Pink Floyd a ter Gilmour como guitarrista foi "A saucerful Of Secrets"(29/junho/68). E o primeiro crédito de David por autoria no Pink, foi pela faixa instrumental que dá nome ao disco.

O primeiro disco solo de Dave, entitulado "David Gilmour" foi lançado na primavera de 1978. O disco mostrou a todos outros integrantes que David Gilmour era capaz de fazer algo solo, que fosse de qualidade. O álbum possui 9 faixas , com destaque para "There’s no Way Out of Here", "So Far Away", "Rayse My Rent", "Mihalis" e "Short and Sweet" gravada junto com Roy Harper, o mesmo que canta originalmente "Have a Cigar" do disco WYWH, do Pink Floyd. Durante a gravação deste disco Dave mostrou aos outros integrantes da banda uma nova melodia, que mais tarde se tranformaria na clássica "Comfortably Numb", que saiu um ano depois, no disco "The Wall", pelo Floyd.

Em 1984, David lançou seu segundo trabalho solo "About Face". Este disco traz a canção "Murder" que, segundo o livro "A Saucerful Of Secrets", é um desabafo da frustração e da raiva de Dave quanto ao assassinato do ex-Beatle, John Lennon. O disco foi severamente criticado pela imprensa, pois, esperava-se mais de Gilmour, o que se ouve são canções pop e poucas passagens que lembravam a velha guitarra da década de 70, que marcou uma época. About Face foi lançado em meio à confusão com que vivia a banda, logo após ter lançado "The Final Cut" e estar ocorrendo toda aquela briga judicial entre R. Waters e o Pink Floyd. O disco ainda traz alguns bons trechos, e baladas como "Love on the Air"e "Out of the Blue", a melhor, uma instrumental "Let’s Get Metaphysical" nunca fora lembrada.

Em 1987, Gilmour deixou de lançar seu terceiro disco solo e resolveu lançar como Pink Floyd, após ter ganho a batalha judicial contra R. Waters. Ele lançou com Nick Mason, "A Momentary Lapse of Reason", nessa ocasião R. Wright era músico contratado. Em 1994, ele lança o último disco de estúdio do Floyd (até agora) : "The Division Bell", onde retoma seus velhos timbres de guitarra e volta a despontar como grande guitarrista que é. Gilmour estava parado até 2001, quando fez 2 apresentações acústicas em Londres a pedido de Robert Wyatt, ex-batera do Soft Machine e amigo pessoal de Gilmour. As apresentações foram tão bem recebidas que em 2002 ele retornou para mais 4 shows unplugged: 2 em Londres e 2 em Paris. Vale destacar que nestes concertos Gilmour refez vários arranjos para músicas do Pink Floyd, além de tocar músicas solo e novas, como a "Smile" de autoria de sua esposa Polly Samson; além de alguns covers e músicas do seu antigo amigo: Syd Barrett. Todas versões com belíssimo arranjo, um contrabaixo, piano de cauda, bateria, violoncello, um violão, a sua inconfundível guitarra e um coral de 9 vozes.

Em 2005, participaria de uma histórica reunião da formação clássica do Pink Floyd (com Waters, Wright e Mason), no concerto beneficiente Live 8 (onde tocaram as músicas Breathe, Money, Wish You Were Here e Confortably Numb).

Em 2006, lança mais um disco solo : On a Island, e inicia grande turnê, que conta com o velho parceiro Wright nos teclados e vocais. Os shows contam com várias músicas do repertório do Pink Floyd.
DISCOGRAFIA
.
1965 - Jokers Wild
1978 - David Gilmour
.

1984 - About Face
1984 - In Floyd We Trust
.

1984 - Kabuki Fever
1992 - New Game
.

1996 - The Who - Masters of Music
2001 - Meltdown
.

2001 - Meltdown concert
2001 - Plays Floyd Unplugged
.

2002 - In Concert
2006 - BBC
.

2006 - Le Grand REX
2006 - On An Island
.